‘Aldeias e Quilombos’ estreia dia 18, como parte da nova programação da rádio Frei Caneca FM
" />

Brasil Debate

Brasil Debate

 
Comunicação

Ancestralidade negra e indígena é tema de programa de rádio em PE


13/07/2020

A partir de 18 de julho, Recife e região metropolitana ganham um novo programa de rádio: Aldeias e Quilombos, que será exibido semanalmente aos sábados, às 15h, pela Frei Caneca FM 101,5 . A proposta é abordar temas da ancestralidade africana e indígena.

Desenvolvido a partir da Grande Recife, o Aldeias e Quilombos tem na sua produção os jornalistas Bruno Vieira e Manuela Lira. O programa é um dos selecionados no Edital de Apoio à Ocupação da Grade de Programação da Frei Caneca FM 2019-2020 e tem o objetivo de contribuir para a promoção da visibilidade das populações indígenas e quilombolas de Pernambuco e do Brasil.

É proposta também estimular o debate sobre políticas públicas voltadas às populações negras, quilombolas e indígenas. O formato é um programa radiofônico integrativo, participativo, com a ideia de realizar um diálogo direto com essas populações, incluindo-as também como coprodutoras dos programas.

Por trás do projeto está a promoção, defesa e divulgação dos direitos humanos sob uma perspectiva conectada e interseccionada com elementos sociais de raça, classe e gênero.

A Frei Caneca FM é uma emissora pública criada em 1960, mas que só começou as transmissões em junho de 2016. Ligada à Fundação de Cultura Cidade do Recife, pretende cumprir um papel didático sobre a comunicação pública.

As contribuições são sempre bem-vindas e podem ser feitas pelo e-mail aldeiasequilombos@gmail.com, pelo WhatsApp 81 98195-2207 (Bruno Vieira, produtor do programa) ou pelo Instagram (@aldeiasequilombos).

Crédito da foto da página inicial: Quilombo Carnaíba/Divulgação/Diário de Pernambuco

Serviço

Estreia do programa Aldeias e Quilombos na Rádio Frei Caneca FM
Sábado, 18 de julho, 15 horas (horário de Brasília)

Pelo rádio em Recife no 101,5 FM ou pelo mundo acessando www.freicanecafm.org

Clique para contribuir!

Comentários