Brasil Debate

Brasil Debate

 
Encontro de economia

Goiânia sediará em julho o 43º Eneco

O evento contará com palestras de Otaviano Canuto, Ciro Gomes, Fernando Haddad, Cristina Fróes, Pedro Rossi, Vanessa Petrelli e Eduardo Suplicy

O 43º Encontro Nacional de Estudantes de Economia, que acontece no período de 16 a 22 de julho, em Goiânia, tem como proposta reunir discentes, docentes e pesquisadores dos cursos de ciências econômicas e áreas afins, de universidades e faculdades públicas e privadas de todo o Brasil, em um ambiente crítico, plural e que possibilite o debate sobre o desenvolvimento de um país melhor.

Para isso, durante uma semana, busca-se discutir a transdisciplinaridade da formação do economista, a atuação, a interação individual e institucional, a partir do conjunto de debates e dos desafios impostos no novo cenário econômico, político, social, educacional, cultural e ambiental que se desenha no Brasil nos dias atuais.

O evento será composto por palestras magnas, ciclos de debates, oficinas, apresentações de trabalhos, apresentações culturais, tanto para discutir a amplitude dos problemas, alternativas e soluções para o desenvolvimento socioeconômico brasileiro como para promover a interação e integração das pessoas de diferentes áreas, com interesses correlacionados.

Clique para contribuir!

Entre os palestrantes convidados estão Otaviano Canuto, Ciro Gomes, Fernando Haddad, Cristina Fróes, Pedro Rossi, Vanessa Petrelli e Eduardo Suplicy. O tema este ano é “Brasil: Que país será esse? A amplitude das soluções para o desenvolvimento socioeconômico brasileiro”. A ideia é nortear uma ampla discussão acerca do futuro do país, com margem para explorar todas as áreas do conhecimento das ciências sociais, principalmente diante da atual crise político-econômica.

Para inscrições e saber mais, acesse: http://www.eneco2017.com.br/

Clique para contribuir!
Share

1 resposta to “Goiânia sediará em julho o 43º Eneco”

  1. Carlos Tramontina disse:

    Com o Otaviano Canuto? Porque não convidaram logo o Meirelles?

Comentários