Relacionado
" />

Brasil Debate

Brasil Debate

 
Chico Mendes

Filha do líder ambientalista quer Dilma reeleita pelo bem do Acre

Por Márcio Morais,  da Agência PT

As forças que estão aí dizendo-se novas não trazem segurança de que as coisas vão continuar melhorando no Brasil”, afirmou a tecnóloga em gestão ambiental Ângela Maria Feitosa Mendes, moradora de Rio Branco (AC).

A declaração seria apenas mais uma entre milhares feitas diariamente em favor da reeleição da presidenta Dilma Rousseff, se não partisse da filha do ex-líder dos seringueiros Chico Mendes.

Simples e avessa a autopromoção às custas da imagem pai, morto numa emboscada em 1988, em Xapuri, Ângela evita criticar a candidata do PSB, Marina Silva, a quem muitos acreditavam que ela atribuiria seu apoio.

“O medo do novo é que a gente não vê nada de novo com segurança”, pontua, lembrando que Dilma é a única candidata que representa o novo.

No entanto, sua postura é outra em relação à candidata do PT. “A Dilma olha para os pobres, fez e continuará fazendo muito para reduzir as diferenças sociais e melhorar a qualidade de vida de milhões de pessoas”, afirma.

Ângela tornou-se uma das maiores defensoras do governo Dilma em seu estado. Segundo ela, na gestão da presidenta estão sendo honrados os compromissos estabelecidos na agenda dos extrativistas e sociedades tradicionais, que incluem ribeirinhos, indígenas e seringueiros.

“O meu pai sonhava com o dia que isso viraria realidade”, relembrou Ângela, em entrevista no parque urbano Capitão Cirilo, na capital.

filha do chico mendes1

Defensora da atual gestão, Ângela acredita haver pouca visibilidade sobre as medidas adotadas pelo governo em benefício da população para a qual Chico Mendes dedicou sua luta e sua vida.

“Foram várias as conquistas que o movimento extrativista conseguiu no governo do PT”, conta.

Dentre elas, enumera a construção de embarcações de saúde, cursos e assistência técnica extrativista, além da liberação de verbas para fortalecimento do extrativismo.

Ela afirma que essas conquistas elevaram a autoestima dos acreanos, o que reflete nas pesquisas de intenção de votos no estado, como mostram os números do candidato do PT, Tião Viana, que está na liderança da disputa pelo governo do Acre.

“Ele está bem nas pesquisas e vai ser reeleito”, acredita.

Crédito da foto: Sheyla Leal

Clique para contribuir!

Comentários